Posts tagged ‘André Bida’

08/11/2013

Um acordo de representação

Adaptação de lenda germânica leva público ao Cine Ópera durante a tarde do Festival de PG

Adaptação de lenda germânica leva público ao Cine Ópera durante a tarde do Festival de PG

A peça “Flautista de Hamelin” iniciou às 14 horas de quinta-feira com duas artistas medievais cantando, uma que tocava flauta e a outra um tamborim. Ambas interagiam com o público formado na maior parte por crianças dos colégios de Ponta Grossa.

O roteiro é uma adaptação da lenda Germânica na qual a dupla Tatiane Mileide e Thyara Cristina interpretam dois artistas do período medieval que saem pelas ruas cantando e levando uma pequena carroça que conta a história da cidade alemã de Hamelin. A dupla afirma a importância de cumprir os tratos que são previamente combinados. Em vários momentos da peça se percebe essa afirmação através da frase. “Trato feito. Mas trato é trato!”.

Hamelin era dominada pela peste dos ratos, em todos os locais se encontrava ao menos um deles. O prefeito, já desesperado por não saber o que fazer e com o caos na cidade, chega ao ponto de querer desistir do cargo por não encontrar uma solução. Neste momento encontra um artista de rua que se oferece para acabar com a peste, tocando sua flauta com o ‘poder de enfeitiçar’ qualquer animal das mais variadas espécies.

Foto: Camila Gasparini

Foto: Camila Gasparini

No primeiro momento o prefeito ignora, mas como os ratos estavam sem controle na cidade aceita e em troca o flautista lhe pede mil moedas e ambos firmam um trato, porque “trato é trato!”. Após a cidade estar “salva” o prefeito não cumpre o combinado e o artista de rua sai pelas ruas novamente tocando sua flauta, desta vez ele ‘encanta’ as crianças que seguem com ele para fora da cidade e não voltam mais.

A interação de Tatiane e Thyara com o público está presente desde os primeiros minutos da peça oscilando entre risos provocados pelas ‘trapalhadas’ da dupla, gritos ao ver os ratos e o silêncio repentino para saber a continuação da história. Estima-se que 140 pessoas estavam presentes no auditório B do Teatro Ópera durante a apresentação, Realizada no segundo dia da 41º edição do Festival Nacional de Teatro (FENATA).

André Bida

 Serviço:

Peça: Flautista de Hamelin
Autor: Lenda Germânica
Elenco: Tatiane Mileide Danna e Thyara Cristina do Nascimento
Grupo: Trip Teatro de Animação
Cidade: Rio do Sul/SC
Operador de luz e som: Willian Sieverdt
Duração: 40 minutos
Classificação: A partir de 6 anos

Anúncios
Etiquetas: ,
12/10/2013

Operário se mantém na mídia através de torcedores

Programa semanal tem enfoque voltado ao clube princesino e conta com um convidado diferente a cada edição

na-tela

Com a intenção de manter o Operário Ferroviário (OFEC) ativo nas rodas de discussões quando o assunto é futebol, a Associação Avante Fantasma (AAFA) lançou no segundo semestre de 2013 em seu canal na YouTube, o programa Papo de Boteco. Apresentado por Dyego Marçal e Thiago Moro, a atração possui 30 minutos de duração.

O programa já recebeu a presença de Piska Rodrigues, o ex-técnico do clube ponta-grossense, Jair Palowski ex-jogador e o comentarista esportivo local Altair Bail, além de integrantes da diretoria do Operário. As entrevistas são realizadas de modo descontraído em um cenário que lembra aos bares onde torcedores acompanham jogos de futebol e discutem sobre a atuação do clube. Esse aspecto faz com que o convidado se sinta mais ambientado e a conversa decorra com maior naturalidade.

Foto André Bida

A atração disponível no YouTube conta com 9 edições realizadas até o momento, e foram gravadas na sede da AAFA, porém ouve uma exceção quando no quinto programa os dirigentes do Operário tiveram um ‘bate-papo’ com os apresentadores na sala de imprensa do estádio Germano Krüger, em Vila Oficinas, PG.

O Papo de Boteco não pode ser considerado um programa esportivo, e sim de futebol, pois outros assuntos que não sejam sobre o Operário não estão presentes na pauta. Este modelo de entretenimento traz uma relação mais próxima, entre o telespectador que na maior parte é formada por torcedores do time e os apresentadores, pois dificilmente se vai ouvir falar mal do seu time. E, a partir do início de outubro, o programa passa a ser transmitido também na TV Comunitária, canal 17 do sistema a cabo local.

André Bida

Serviço:

Papo de Boteco está disponível no Youtube:  http://www.youtube.com/user/avantefantasma/videos e na TVCOMPG: às quartas-feiras às 21h30, reprise aos sábados no mesmo horário.

13/09/2013

‘A beleza que tem um samba’ na manhã da Flicampos

selo flicampos

Homenagem à Vinicius chama atenção do público no Espaço Musical da Feira do Livro no domingo

       O segundo dia do II Festival Literário dos Campos Gerais (Flicampos) contou com a presença do grupo Quarteto de Efeitos, de Curitiba, que realizou uma apresentação musical, em homenagem aos 100 anos do poeta Vinicius de Morais.

     Os curitibanos cantaram 13 sucessos de Vinicius, entre elas destacando ‘Água de Beber’ e ‘Samba da Benção’. As primeiras músicas foram ‘Pato’, ‘Casa’, ‘O Relógio’ e ‘A Galinha D’Angola’. As canções chamaram a atenção do público que, formado por muitas crianças, cantou com o grupo, enquanto algumas crianças dançavam próximas ao palco. O público aumentava pela curiosidade de saber o que estava acontecendo.

Foto: Camila Gasparini/ Lente Quente

Foto: Camila Gasparini/ Lente Quente

     A apresentação marcada para as 10 horas da manhã teve um atraso de 40 minutos por causa da instalação do som. A demora no início foi benéfica ao grupo, pois o número de pessoas circulando na feira no horário indicado era pequeno.

     A interação com o público era distante nos primeiros minutos de apresentação. A vocalista estava presa nas letras dispostas a sua frente, enquanto os outros três integrantes olhavam para o chão. Com as crianças cantando junto, música após música, a vocalista deixou de ver a letra e passou a cantar olhando para o público.

     O Quarteto de Efeito é formado pela vocalista Lilyan de Souza, Pedro Sasamoto no violão, Bruno Leão no baixo e Daniel D’Alessandro na bateria e percussão. A apresentação realizada no Espaço Musical da Biblioteca Pública do Paraná teve duração de 40 minutos e foi reapresentada ao público no mesmo dia no período da tarde.

André Bida

 Serviço:

O Quarteto de Efeito se apresentou no Espaço Musical da II Flicampos, no último domingo dia (08) às 10h40 e às 15h

21/06/2013

Voz e violão. Precisa de algo mais?

cabec3a7alho-fuc1

Dupla do Rio Grande canta as desilusões amorosas no palco do FUC e agrada ao público

             A sétima apresentação do segundo dia do Festival Universitário da Canção (FUC), ficou por conta da dupla gaúcha Alana Morais e Gabriel Selvage, ambos do Rio Grande do Sul e com um sotaque que pode ser notado inicialmente no vídeo de apresentação, o qual continha muitos problemas com a compreensão, mas no caso de dos cantores pode ser ouvido sem ruídos.

            Eles interpretaram o samba composto por Camila de Oliveira e Ítalo de Oliveira intitulado Fim de Tarde. Alana Morais estava nos vocais enquanto Gabriel Selvage fazia o acompanhamento no violão de sete cordas. A canção sofria suaves elevações e momentos de baixa onde se percebia o ‘casar’ da voz com o instrumento. Durante a execução da música não ouve participação da banda de apoio, a Scratch Canarinho.

Fim de tarde-Bida_CréditoGasparini

           Foto: Lente Quente/Camila Gasparini

         Um fato de destaque eram as expressões faciais realizadas pela cantora a cada frase da canção. Elas continham “dor”, “angústia” e “sofrimento”. Enquanto Gabriel em muitos momentos se manteve de olhos fechados e cabeça abaixada, eles pareciam ‘sentir a música’ fazendo com que houvesse um sincronismo com os versos.

            A letra da melodia apresentada durante o festival aponta para desilusões amorosas que uma pessoa passa e um sentimento de solidão eterna. “Foi, Me deixou ao léu, A ver navios. Do mar fui parar em beira de rio, Pra poder me afogar numa ilusão maior”. Ao encerrar a apresentação, as reações da plateia que se mantinham moderadas até o presente momento mudaram para aplausos e alguns gritos que puderam ser notados poucas vezes ao fim de cada mostra musical.

André Bida

Serviço:

Canção: Fim de Tarde

Letra: Camila A. de Oliveira e Ítalo A. de Oliveira

24/05/2013

Cadillac traz de volta a mistura de Rock e Funk Soul dos anos 1970

vitrola21Quatro anos após lançamento de segundo CD, as canções continuam fazendo sucesso

     A banda Ponta-grossense Cadillac Dinossauro’s (ou Cadillac Dinossarou$ como também é conhecida) foi formada em 2006. Durante esse período lançaram dois CD’s de maneira independente: o primeiro em 2008 e o segundo no ano seguinte, intitulado Ser Absurdo, que contém 12 músicas.

     A Cadillac apresenta ao seu público o bom Rock N’ Roll com variações durante cada música, tanto para funk soul como blues, expondo uma vontade de esquecer as questões cotidianas para apenas abrir uma cerveja e aproveitar as músicas de pernas para o alto. A sonoridade da Cadillac não é agressiva aos ouvidos, nem nos momentos onde as canções se tornam mais pesadas e os vocais ficam mais elevados, o que não chega a ser um defeito, embora lembre músicas produzidas no anos 1970.

bidaDivulgação

     As composições que se destacam no CD Ser Absurdo por serem as mais tocadas no My Space da banda, são ‘Bóris’, que fala sobre um homem tronco, e ‘Parabéns’, que aponta as incertezas do futuro, a riqueza que não se leva na hora da morte, e que pode ser tudo que quiser. Vale destacar as demais canções da banda que não são secundárias.

     A formação que gravou o CD Ser Absurdo teve nos vocais David Barros, Hugo Alex (baixo), Mack Milan (guitarra) e Billy Joy (bateria), que são os integrantes da banda, além das participações de Marcelo Teixeira, Gustavo Ortigara, Leandro Lopes e Cliceu Spinassi, que contribuíram também para a produção do CD. A banda se apresenta com frequência nas casas de shows de Ponta Grossa, cidade onde seu reconhecimento já se tornou grande.

André Bida

 Serviço: 

A venda do CD está disponível através do email cadillacdinossauros@gmail.com

E na página do facebook: http://www.facebook.com/cadillac.dinossauros

Algumas músicas podem ser ouvidas pelo My Space: http://www.myspace.com/cadillacdinoss

Para agendamento e monitorias: (42) 3220-3470ou do e-mail museucamposgerais@uepg.br

12/04/2013

Tradição ao servir café na XV

pratos

Muitas histórias se encontram em um ambiente aconchegante localizado em uma das principais ruas centrais de PG

A cafeteria Pop’s é referência ao servir, para seus clientes e amigos, um cremoso café feito em uma maquina italiana. Há quatro décadas, o bar está localizado na rua XV de Novembro, ponto central e tradicional na história de Ponta Grossa.

O espaço é pequeno, com bancos sem muito conforto, o que deixa um ar de ser breve a permanência no estabelecimento. Os clientes mais fiéis são comerciantes que trabalham na mesma rua, pessoas que frequentam o café desde seus primeiros anos. Os fregueses mostram uma intimidade ao conversar com a atendente e a proprietária do estabelecimento, a senhora Loiri Rubini, que trabalha no local desde a fundação, onde era gerente. Com um modo que a primeira impressão pode assustar, Loiri trata todos que entram no café com respeito, dedicação e carinho, questionando-os sobre como foi o dia e, talvez, convidando-os a gastar mais.

Foto: André Bida

Foto: André Bida

Para consumo, a cafeteria oferece algumas opções como empadinha, rissoles, pastel, folheado e coxinha, além dos lanches preparados na hora. O preço do café varia a cada escolha do cliente: custa entre R$ 3,00, o simples com leite pequeno, até R$ 6,00 aos mais sofisticados, que levam além do tradicional café e leite, uísque entre outras diversificações. O som ambiente fica por conta de uma emissora local em volume aceitável, que não atrapalha a conversa com as pessoas. Ainda é possível encontrar uma televisão desligada, além da variedade de jornais atualizados em uma mesa ao lado do caixa com os periódicos Jornal da Manhã, Diário dos Campos e Gazeta do Povo.

                                                                                                                           André Bida

Serviço:

Endereço: Rua XV de Novembro, 450 – Centro. Ponta Grossa/PR

22/03/2013

CBN PG ou uma rádio que só fala do Estado

487913_474440032604010_505364212_n

De segunda a sexta o programa CBN Ponta Grossa noticia os destaques do Estado, deixando de lado as matérias que envolvem PG

    O noticiário periódico CBN Ponta Grossa vai ao ar de segunda a sexta às 9h da manhã com a intenção de informar o ouvinte, que não ganha a mínima atenção no decorrer das duas horas de noticiário. A apresentação fica ao encargo de João de Souza e a sonoplastia por Júlio Cesar Alves Pires.

    Logo no início do programa o âncora traz as manchetes dos periódicos com grande circulação nacional como O Globo, Folha de S. Paulo e também dos jornais regionais. Em seguida o radialista expõe o boletim de ocorrência das estradas e a previsão do tempo, de acordo com o Simepar. As médias de intervalos são de 5 minutos, variando na integração com a rede nacional para a entrada obrigatória do Repórter CBN, boletim apresentado a cada meia hora.

Antena - Bida

Foto: Divulgação

    Na falta de uma equipe de reportagem, as matérias são realizadas pela Agência de Notícias do Paraná, que aborda num apanhado geral todo Estado do Paraná, enquanto as informações da cidade são transmitidas por meio da leitura dos jornais do dia. O tamanho da matéria varia, sendo exibida na íntegra ou parcialmente, alguns quadros regionais como “CBN Esportes”, e “Cultura em Cartaz” e não possuem linguagem radiofônica, pois são de jornais impressos sem quaisquer alterações ainda continuam tendo a forma de leituras.

O quadro “Perfis da Cidade” faz com que o jornal perca sua característica principal, ele informa através da leitura de um poema, citando alguns pontos da cidade na última meia hora do jornal com uma trilha suave e orquestrada ao fundo. O fator negativo que descaracteriza o programa é a ausência de singularidade do apresentador com o ouvinte. O chat da emissora que está no site não é citado enquanto o periódico está no ar para que os ouvintes possam interagir, o que diferencia da afiliada de sua matriz em São Paulo e no Rio de Janeiro.

André Bida

Serviço:
CBN Ponta Grossa
Apresentação: 09h00 às 11h00
No rádio: AM 1300
Internet: http://www.cbnpg.com.br

Etiquetas: ,