Posts tagged ‘Ana Paula Schreider’

11/11/2012

Muito mais que uma primeira impressão

Montagem do Grupo de João Pessoa-PB prima pelo sensorial e emociona público no 40 º Fenata

Frequentar salas de teatro não é um hábito hegemônico. Televisivos e modistas, às vezes sequer sabemos a diferença entre arte e cultura. De tempos em tempos, muito mais pela visibilidade do que pelo real sentido e interesse, dispomo-nos a “prestigiar” um evento teatral. Porém, se essa  atividade faz parte de um evento maior, que completa quatro décadas, aí nos sentimos subitamente compelidos a participar, como se quase fosse um hábito.

Sem frequencia, pouco se conhece de teatro. Portanto, uma apresentação às 22h, chamada Anáguas, parece uma boa opção dentre as diversas oferecidas na programação do Fenata. E, assim, como supostos assíduos frequentadores, surgem filas na espera da abertura da sala B do Cine Teatro Ópera. A categoria é “Às Dez em Cena” e o grupo a se apresentar vem de João Pessoa, Paraíba, e se denomina Companhia Oxente.

Foto: Luana Caroline do Nascimento

Foto: Luana Caroline do Nascimento

Sem conhecer, ignora-se que uma das lógicas do tal teatro é a subversão. Então, é natural perceber a reação dos presentes ao serem encaminhados para o palco, e não para a plateia. Tensão no ar. O cômodo espaço pelo qual o espectador paga míseras moedas, cai por terra, e o conforto e a impessoalidade da sua presença se pulverizam.

Ele é chamado ao jogo, à exposição. Mais tensão no ar, acrescida de um quase temor. Sentados em pequenas banquetas, dispostos de forma que quase todos se vejam, começa o rito. A comunhão. A liturgia de Grotovski vinda da Paraíba. A entrega, o expor-se, o tocar. A história contada é árida, cruel e verdadeira. Mas é mais uma história entre tantas outras. O que fica é a forma, o jeito de contar. Os odores, sons, hálitos e a troca entre peça e espectador, sem a interatividade forçada, no riso imbecil.

Ao término, ninguém sabe ao certo o que aconteceu. Não sabemos mais reconhecer os ritos. Tímidos comentários tentam explicar o que não é explicável. Se não fossem pequenos excessos, a montagem, colocada em horário extra e alijada da mostra competitiva, talvez por temor e mercantilismo da curadoria/organização, poderia ser um grande e produtivo passo no entendimento do real sentido do teatro. Autônomo e artístico.

Ana Paula Schreider

Serviço:

Peça: Anáguas

Grupo: Cia. Oxente

Diretor: José Maciel da Silva

Cidade: João Pessoa – MG

Duração: 55 minutos

Classificação: 14 anos

21/09/2012

Novo começo traz boas sensações

Em estreia de carreira solo, Péricles apresenta um álbum com repertório romântico e composições mais maduras

Vocalista do grupo Exaltasamba por 23 anos, o cantor Péricles não imaginava seguir carreira solo. O primeiro trabalho da carreira solo do músico, intitulado “Sensações”, inclui DVD e CD, gravados em maio deste ano. Na nova carreira, já começam a se destacar músicas nas paradas de sucesso, como “Linguagem dos olhos” e “Minha Razão”, sucesso que Péricles emplacou na atual novela das nove da Rede Globo, Avenida Brasil.

Foto: Divulgação

O repertório levou 10 meses para ser elaborado, com canções inéditas e regravações. Algumas músicas do “Exalta” também foram inclusas. O álbum conta ainda com composições de Prateado e Carica, e do ex-Exaltasamba Thiaguinho. O filho de Péricles, Lucas Morato, participa com a música “Olá”. Após a canção, pai e filho se abraçam e choram juntos no palco. Luan Santana também marcou presença com a música “Cuidado Culpido”.

A nova carreira também traz um ‘novo’ Péricles. O repertório é diferente do que se fazia no Exaltasamba, com harmonias mais difíceis e composições mais maduras. No tempo do “Exalta”, o trabalho era mais popular. Durante os shows, eram tocados os famosos pancadões para atrair as pessoas, mas Péricles apresenta um pagode mais recalcado.

Diferente de seu ex-companheiro de banda, Thiaguinho, que também seguiu carreira solo e lançou um DVD no início de abril (2012), optando por um trabalho mais popular, focado no público jovem e com músicas dançantes, Péricles traz um repertório mais romântico, apesar de ainda conter alguns arranjos mais animados.

Ana Paula Schreider

Serviço:

Álbum: Sensações (CD e DVD)

Artista: Péricles. Ano: 2012

Gênero: Pagode/ Samba

Produção: Som Livre. Preço: R$39,90

10/08/2012

Pode vir que o Tempero é Maneiro

Com variedade no cardápio e preço acessível, o restaurante consegue conquistar uma boa freguesia

Localizado na Rua Santos Dumont, dentro do Shopping Antártica, no Centro de Ponta Grossa, o Restaurante Tempero Maneiro traz diversidade e economia para o almoço dos ponta-grossenses. O restaurante oferece 10 opções de pratos quentes que incluem feijão, arroz, macarrão, farofa, risoto. Entre as opções também estão 10 opções de pratos frios como saladas variadas, além de seis tipos de carne e uma massa, geralmente lasanha.

Foto: Divulgação

O local funciona desde 2011 mas, apenas um ano, o Tempero Maneiro já conquistou muita freguesia. Ao entrar no estabelecimento percebe-se um grande movimento e quase todas as mesas estão ocupadas. A alta freguesia se deve a sua localização, em frente ao Calçadão, lugar onde passam milhares de pessoas por dia e se concentram áreas comerciais. A maioria das pessoas que frequenta o local trabalha no comércio dos arredores.

Outro fator da popularidade do restaurante é o preço acessível. O Buffet livre custa R$ 3,50 e inclui os pratos quentes e frios. Para os que desejam repetir, são cobrados mais R$ 1,25. As carnes e a massa são pesadas separadamente, e é aí que o restaurante lucra, pois o valor cobrado é mais temperado que a comida – menos de 100 gramas de carne chegam a custar o valor do Buffet livre. Para beber, o restaurante oferece desde sucos com o valor de R$ 0,90 o copo de 90 ml e R$ 1,60 o de 150 ml a refrigerantes e água. Mesmo o baixo custo do Buffet, o local consegue manter a qualidade dos pratos, que não deixam a desejar e satisfazem o cliente. 

Ana Paula Schreider

Serviço

Restaurante Tempero Maneiro

Endereço: Rua Santos Dumont, 855 – Centro – Ponta Grossa, PR

Telefone: (42) 3025-4343

Atendimento: segunda a sábado, das 11h às 14h30