Archive for ‘Eduardo Mossri’

13/11/2015

O imigrante da história de cada um

fenata_logo_reduz_1

Espetáculo afetivo conta histórias da imigração no início do século XX e desperta a imaginação e memória da plateia

O monólogo ‘Cartas Libanesas’ foi apresentado, pela primeira vez fora do estado de São Paulo, na Mostra de Teatro Adulto do 43º Fenata. A montagem começou a ser feita em 2009 e teve sua estreia em 2015. Está indicada, como melhor texto do ano, aos prêmios Shell, APCA e Aplauso Brasil 2015.

IMG_3229

Foto: Ághata Ferraz

O autor do texto é José Vendramini, que foi professor do ator da peça, Eduardo Mossri, na Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA – USP). Ambos têm descendência libanesa. A direção é de Marcelo Lazzaratto.

Mossri interpreta um simpático libanês, chamado Miguel, que deixa, na terra natal, a esposa grávida e vem para o Brasil em busca de prosperidade financeira. A ideia inicial de Miguel era de logo retornar ao Líbano, mas conforme o tempo passa, ele acaba reconhecendo o Brasil como um novo lar e chama a esposa Adib para também vir morar junto a ele.

IMG_3239

Foto: Ághata Ferraz

Elementos típicos de um mascate são utilizados em cena: uma grande mala (armarinho), microfone e caderneta que, no geral, funcionam muito bem. O microfone incomoda um pouco por ser usado quase que o tempo todo. Há momentos em que ele esconde a expressão facial do ator. A caixa de som estava com problema e, de vez em quando, chiava, mas nada que pudesse comprometer o espetáculo.

O ator começou já dialogando com o público no hall do Teatro, antes mesmo de dar início ao espetáculo. Ele conquista e consegue prender a atenção das pessoas por um longo tempo. Desce do palco algumas vezes, conversa e brinca diretamente com a plateia.

IMG_3246

Foto: Ághata Ferraz

O trabalho foi inspirado em cartas da avó de Mossri e em relatos encontrados num livro sírio-libanês. Percebe-se que há grande pesquisa histórica. A musicalidade e iluminação, que compõem a montagem, estão perfeitamente adequadas.

Serviço

Autor: José Eduardo Vendramini
Direção: Marcelo Lazzaratto
Atuação: Eduardo Mossri
Cidade: São Paulo – SP
Duração: 80 minutos
Classificação etária: 12 anos

Ághata Ferraz