Archive for Outubro, 2014

28/10/2014

Doçura e tradição italianas criam receitas cobiçadas

na tela

Mais do que os bolos, são os sentimentos que fazem de “Cake Boss” um sucesso de público

Um confeiteiro italiano que comanda um negócio ao lado de sua numerosa família faz bolos com formatos e enfeites de cair o queixo. Essa é a fórmula básica de todos os episódios do reality show “Cake Boss”, que acompanha o dia a dia da padaria Carlos’ Bakery, na cidade americana de Hoboken.

O astro do programa é Buddy Valastro, o único filho homem de uma família ítalo-americana. Ele herdou do pai a padaria e transformou-a em um enorme negócio, com franquias em diversos estados. Dividindo a tela com Buddy, estão principalmente suas irmãs e cunhados, além de alguns funcionários ilustres da Carlos’ Bakery.

gabi

Além de fazer bolos para a venda, a Carlos’ Bakery aceita encomendas de bolos de todo o tipo, como um bolo em forma de sistema solar ou que brilhe na luz negra. Os episódios do programa mostram como esses bolos mais difíceis são feitos, os desafios tanto de culinária como de engenharia que Buddy e seus funcionários precisam enfrentar a cada semana. Mas outro ponto do programa que chama muita atenção do público são os acontecimentos da família Valastro.

O programa é essencialmente sobre culinária, e realmente dá algumas dicas valiosas de como se enfeitar bolos, mas esse lado humano é o que mais faz sucesso entre os fãs do programa. Não à toa, Cake Boss já teve episódios em que a ‘trama’ principal mal envolvia a confecção de bolos, sendo o mais memorável quando a mãe de Buddy é diagnosticada com esclerose múltipla e a equipe do programa capta as reações dos membros da família a respeito. Cake Boss também tem os seus lados cômicos; as peças que os funcionários da confeitaria pregam um no outro, em geral encabeçados por Buddy, são sempre muito criativas e engraçadas.

Gabriela Gambassi

Serviço:

no Brasil, o programa passa pelo canal de TV paga Discovery Home & Health. Os episódios inéditos vão as ar às terças-feiras, às 8h15.

28/10/2014

História e cultura local se entrelaçam

livro-aberto1

Livro traz depoimentos de história e cultura dos Campos Gerais

“Causos e Lendas de Ponta Grossa” é um livro que traz depoimentos de pontagrossenses da terceira idade sobre histórias e lendas que marcaram as gerações da cultura princesina. A obra foi desenvolvida pelo projeto “Contar histórias; uma arte sem idade”, promovido pela Secretaria de Cultura e Turismo de Ponta Grossa.

No livro é construída uma identidade dos Campos Gerais, com lendas sobre a formação das vilas e bairros pontagrossenses, e também dos distritos – as pequenas cidades de Itaiacoca e Palmeira. Além de relatos engraçados, como a da mulher que via sua sombra e achava que era perseguida por “vultos”, há também contos étnicos/culturais, como a história dos escravos da cidade de Palmeira que fugiam para Roxo Rois e Palmital. Nesse conto, a história brasileira se mistura com a cultura católica, no depoimento de Maria Rosa Dias Bello sobre o escravo que fora libertado por Nossa Senhora Aparecida.

nilson

Além de depoimentos de pessoas sobre o Olho d’água São João Maria, as Olarias e o famoso rio Tibagi – o que torna o livro um retrato dos lugares atuais e antigos da cidade – a obra traz ilustrações, o que deixa o livro belo e agradável para leitura.

O exemplar foi lançado no ano de 2012 e, segundo o site da prefeitura de Ponta Grossa, levou dois anos para ser produzido. A obra literária foi organizada por Alfredo Mourão, com ilustrações de Anselmo Andrade Junior e contém mais de 100 relatos sobre lendas, aparições e riquezas escondidas. Não pode ser comercializada. Nossa cidade precisa mais de obras assim para valorizar e contar a cultura local. Vale a pena conferir!

Nilson de Paula

Serviço:

Exemplares podem ser encontrados nas bibliotecas de escolas municipais e estaduais como também na Biblioteca Faris Michaele da Universidade Estadual de Ponta Grossa.

26/10/2014

Comida caseira ganha espaço em reality show

na tela

O comum em uma nova perspectiva

Já está no ar, desde agosto, a segunda temporada do reality show “Cozinheiros em Ação”, exibido pelo canal fechado GNT. O programa é apresentado pelo renomeado chef francês Oliver Anquier, além de mais três chefs: Monica Rangel, Renata Vanzetto e Ivan Achcar, jurados do programa.

O reality show se diferencia dos demais por contar com a participação de aspirantes a chefs de cozinha disputando entre si, e não de chefs profissionais, como a maioria dos programas culinários. Os participantes cozinham pratos caseiros do dia a dia da culinária brasileira.

São 18 candidatos, de diversos lugares do Brasil, disputando a primeira colocação. Em cada episódio, os cozinheiros enfrentam provas temáticas, em que o vencedor leva vantagem na semana seguinte, enquanto o que ficar em último na votação dos jurados é eliminado do programa.

O reality em si é divertido de assistir, e o fato de serem pratos que os telespectadores conhecem, e já provaram, torna o programa muito atrativo, totalmente diferente de programas de culinária com chefs profissionais.

Os jurados também são chefs de cozinha, porém pecam na hora de avaliar os participantes. A maioria dos comentários dos jurados são quase sempre os mesmos, e raramente dão críticas construtivas partindo da experiência que têm como chefs. Apesar de isso incomodar um pouco, não é necessariamente a premissa do programa.

Jaqueline Guerreiro

Serviço:              

A temporada inteira contém 13 episódios, e programa vai ao ar toda quinta-feira às 20h30 no canal GNT.

26/10/2014

Influência dançante

10253951_732513883466183_7769648315676317203_n

Quarto álbum do The Kooks traz novas características da banda

A banda britânica de indie rock, The Kooks, lançou o quarto álbum no, no início de setembro. Após três anos sem lançar nenhum trabalho, a banda fez o seu retorno com o disco “Listen”, que tem influência do rock americano.

Diferente do último trabalho lançado (Junk of the Heart, 2011), que atraiu algumas críticas negativas do público pelas suas músicas mais leves, “Listen” traz músicas mais dançantes e modernas, com algumas batidas do rap. De certa forma, une as características da banda no início da carreira com novas qualidades.

O álbum inicia com a música “Around Town”, com um ritmo mais animado, marcando bastante os sons da bateria e guitarra. Durante o disco, as músicas vão mudando suas características. Na terceira faixa, “Westside”, chega-se a perceber quase uma balada, acompanhada principalmente pelo teclado.

Pode-se dizer que as faixas possuem influência de muitos gêneros e compõem um álbum diverso. Luke Pritchard, vocalista da banda, consegue trazer, em “Listen”, mais emoção em comparação aos discos anteriores. A crítica até agora tem sido positiva. No entanto, muito se diz sobre a dificuldade da banda em manter-se fiel às suas características originais.

O primeiro single lançado, ainda no primeiro semestre, foi “Down”, que retoma um pouco do pop dos anos 90. O último clipe foi da faixa “Bad Habit”, em outubro.

Nathália Oliveira

 Serviço:

O álbum físico custa aproximadamente R$27, e está disponível em plataformas online por R$25.

26/10/2014

Muito além dos livros e da série

entre-linhas

Game of Thrones BR é um blog para os amantes brasileiros da principal obra de George R. R. Martin

 Seguindo a tradicional linha de blogs voltados especialmente ao universo de uma obra específica e todos os seus aspectos, “Game of Thrones BR” faz sucesso entre os fãs da coleção literária “As Crônicas de Gelo e Fogo”, do escritor George R. R. Martin, e da série televisiva da HBO adaptada de livros.

O portal discute tanto diretamente a série e os livros – com críticas, análises de episódios e capítulos, desenvolvimento de teorias e fóruns de discussão – quanto aspectos relativos a esse universo, como notícias sobre as filmagens, os lançamentos e sobre o elenco que integra a atração.

O blog é complementado por outras plataformas da mesma equipe, como o canal no YouTube, o portal “Wiki”, o mapa mundi e as redes sociais. No canal do YouTube, há vídeos promocionais da série, trailers e bastidores e até conversas sobre a trama e conteúdo extra dos DVDs. O portal Wiki é uma enciclopédia especial produzida pela comunidade de fãs brasileiros, com suporte da equipe no Game of Thrones BR, e o mapa mundi é uma espécie de Google Maps de Westeros – o mundo fictício das Crônicas de Gelo e Fogo –, bem completo e interativo.

O site é um prato cheio para os amantes da obra de George R. R. Martin e da produção da HBO. Sempre atualizado, não preocupa seus leitores com o medo comum entre quem acompanha qualquer história: spoilers. Sempre que algo que muda o rumo da história é publicado, o início do texto já avisa em qual livro tal acontecimento será relatado. E enquanto a nova temporada da série não é lançada – será apenas ano que vem, geralmente entre março e abril –, Game of Thrones BR é uma boa opção aos apaixonados pelos Sete Reinos de Westeros, que podem aproveitar cada vez mais as histórias da “guerra dos tronos”.

Millena Sartori

Serviço:

http://www.gameofthronesbr.com/

24/10/2014

A magia do Natal sob nova perspectiva

projetor

Operação Presente apresenta uma versão moderna para os clássicos contos natalinos

Entre a repleta cartela de filmes natalinos, Operação Presente traz uma visão diferente do mundo encantado do Natal. A animação conta a história de uma missão de Natal, em que o Papai Noel e seus milhares de ajudantes entregam presentes para as crianças do mundo inteiro na noite de Natal. No entanto, este ano, uma criança foi esquecida. Para manter a magia da data, o filho mais novo do Papai Noel, Arthur, enfrenta uma aventura para conseguir entregar o presente antes que a noite termine.


O filme mostra uma perspectiva diferente de outros filmes natalinos. Em Operação Presente, o cargo de papai Noel é passado de geração para geração dentro da família dos Noéis, mas todos trabalham em equipe para concluir as missões.
Na animação, as noites de Natal são retratadas como verdadeiras missões para a família Noel e seus ajudantes. Apesar do grande equipamento tecnológico usado para a entrega dos presentes, o filme procura buscar a magia clássica do Natal, quando Arthur volta a usar o trenó e as renas para entregar o presente à criança esquecida. Deste modo, mesmo que apresente uma visão diferente da fantasia do Natal, Operação Presente também procura perpetuar a magia da data.
Embora o público principal seja o infantil, o filme também conquista pessoas de todas as idades, pois o roteiro tem um vocabulário moderno e conta com piadas e trocadilhos, conquistando também os amantes da comédia.

Adriane Hess

Serviço:

O DVD com o filme pode ser encontrado em livrarias e videolocadoras a R$15,00.

13/10/2014

Ao ar livre e no centro

outros-giros1

Parque ambiental é uma das poucas opções de lazer ao ar livre no centro da cidade

Com a chegada da primavera e o novo horário de verão em outubro; um local no centro da cidade ganha destaque e um número cada vez maior de frequentadores, localizado na região central em frente ao terminal municipal e próximo ao shopping atraí pessoas de toda a urbe em busca de encontro, lazer, convívio ou prática esportiva.

Apesar do nome, o Parque Ambiental Governador Manoel Ribas, inaugurado em 1996, não tem muitas árvores e foi apelidado pela população de parque cimental devido ao excesso de áreas calçadas e a escassez de áreas verdes. Nesta ampla área existe uma pista de corrida ou caminhada usada por militares, senhores de idade ou jovens e algumas barras para exercícios. O amplo espaço público tem pista de skate, quadra de futebol de areia e futsal, ambas usadas geralmente o dia inteiro e a noite também, para a terceira idade foi feita uma academia ao livre em 2009.

Os espelhos de água ou o que deveria ser (estão totalmente secos há anos) é apenas mais um elemento que ajuda a perpetuar o nome de parque cimental, outro elemento característico são as barracas que aparecem de longe e em baixo delas existem cadeiras e mesas para descanso. Ao redor do parque existem alguns bancos usados para descanso ou encontro, incluindo os amorosos. Outro elemento de adorno são os três superpostes amarelos cuja principal utilidade é servir de suporte para as câmeras da guarda municipal.

10626461_692865607448651_128191453077794217_n

O local abriga ainda edificações históricas como a Estação Ferroviária Paraná, hoje transformada em Casa da Memória Paraná, e onde se encontra a antiga Maria Fumaça, e o prédio da antiga Estação Arte, atual Armazém da Família. No local havia um parquinho infantil, mas o mesmo foi desfeito em governos anteriores. Nos fins de semana todo esse espaço é muito procurado por famílias e usado para a realização de eventos da prefeitura, como feiras de flores ou artesanato.

O parque se encontra em mais uma reforma que segundo a prefeitura trará mudanças profundas em sua estrutura e paisagem. O monitoramento da guarda e um posto policial não trazem segurança ao local, principalmente à noite, os banheiros são poucos, sujos e fechados a noite, a quantidade de pombos durante o dia nas áreas de grama e ladrilhos aumenta cada vez mais, além de animais soltos no local. Moradores de rua e usuários de drogas, além de bêbados são comuns mesmo durante o dia, à noite é comum mendigos dormirem na estação ou bancos. A sujeira deixada pelos pombos torna alguns lugares como o lado externo da estação arte insalubre. Nos fins de semana o intenso fluxo de pessoas tira a tranquilidade do parque, aliás, a ideia de um parque é mais área verde e natureza e o que temos é uma extensa área de calçada de cimento com um monte de pombos invadindo as poucas áreas verdes; mas vem ai um novo parque ou complexo ambiental segundo o governo municipal.

Marcos Vinicius Ionngblood

Serviço:

O Parque Ambiental fica localizado no centro de Ponta Grossa entre as ruas Vicente Machado e Governador Manoel Ribas, centro de Ponta Grossa

O Parque é aberto 24 horas por dia e possuí iluminação noturna

13/10/2014

Uma iguaria mexicana

10565728_472674479501982_1372882979_n

Comida típica mexicana tem agradado paladar do público pontagrossense

O Taco é um prato muito popular no México e agora tem ganhado espaço na cidade de Ponta Grossa. Feito com base de carne, queijo, temperos e molhos, o prato se diferencia da comida brasileira quando adicionado feijão preto e o tradicional guacamole.

Para quem realmente gosta de comida mexicana, o taco é uma excelente opção, pois a pimenta ao ser adicionada no prato, deixa o prato com um gosto tipicamente mexicano. O que não é muito agradável, é que os restaurantes de Ponta Grossa que oferecem esse prato deixam a pimenta a escolha do cliente, o que acaba perdendo a validade típica do prato.

A massa que acompanha os principais ingredientes, geralmente é feita com massa para pastel. Mas a verdadeira e boa massa do taco, deve ser crocante. Os restaurantes mexicanos da cidade também deixam a desejar nesse quesito, pois possuem uma massa muito mole e fácil de quebrar.

A maneira que o taco é servido não é muito agradável. Geralmente vem embrulhado apenas em um guardanapo ou em caixas, o que acaba sendo anti-higiênico. O que também dificulta é que do modo como é servido, muitas vezes os ingredientes caem e acaba não sendo tão agradável de comer.

Vinicius Biazotti

Serviço:

O Taco é servido nos restaurantes Taco Chicano e Montecito de Ponta Grossa.

13/10/2014

Para exorcizar os filmes bregas

projetor

O filme Livrai-nos do Mal coloca fim aos filmes de suspense sem sentido e sem conteúdo

Produzido em 2014 e com o título original Deliver Us From Evil, o filme conta a história de um policial que sempre segue seus instintos para atender as ocorrências mais perigosas e difíceis. Em uma noite de trabalho, ele se envolve em um caso onde a mãe joga o próprio filho para a morte. Uma série de acontecimentos ligados ao ocorrido deixa o policial curioso e ele se envolve cada vez mais para desvendar o mistério.

Livrai-nos do Mal foge da mesmice dos filmes do gênero, onde a cada segundo tentam assustar o telespectador com uma lâmpada quebrando ou uma porta batendo. A produção conta com um enredo melhor trabalhado, cenas que vão além da investigação sobre o caso paranormal, explorando a vida pessoal do policial e como ela é afetada pelo trabalho exaustivo ao qual dedica a vida.

1000275_736759293066099_8582369000375720436_n

Comparando aos últimos filmes com exorcismo do cinema, como O Ritual, Livrai-nos do Mal conta com uma cena de ritual exorcista melhor trabalhada, com efeitos extremamente bem feitos e com atores impecáveis. Uma semelhança entre os filmes é que tratam de religião, que em certos pontos, acaba se tornando o foco das discussões entre os personagens.

O filme traz a união entre um policial cético em relação à religião e um padre, que costumava pecar em excesso e foi salvo pelas mãos de Deus. Eles juntam forças para desvendar o mistério sobrenatural e acabam por fazer o exorcismo juntos. As cenas contam com músicas do The Doors, que além de fazerem parte da trilha sonora, possuem grande importância na trama do filme.

Kamila Vintureli

Serviço:

O filme está em cartaz em duas salas do cinema Multiplex Palladium, que fica na Rua Ermelino de Leão, 703, Olarias, no Shopping Palladium.

13/10/2014

Gravidez adolescente no século passado

livro-aberto1

Livro tenta retratar os dilemas sofridos por jovens mães

Uma cigana com a previsão sobre seu futuro, o menino rico, a menina que quer ser bailarina. Um com 16 anos, e a outra com 14. Namoro adolescente “ingênuo”, conversas adolescentes, gravidez indesejada. O pai da criança some, por motivos que são explicitados no final do livro, a “menina” vira mãe solteira e pelas dificuldades que surgem, abandona todas as suas ambições. Inúmeras dificuldades do meio do caminho, e até a inflação no Brasil e os problemas da cidade de São Paulo criam mais dificuldades.

10672242_692387037497575_879115418261861874_n

Romance infanto-juvenil de fácil interpretação, leitura rápida. É capaz de comover a qualquer um que tenha um pouco de empatia com a jovem e a situação em que está, mas o enredo cai em clichê de histórias do gênero.

“Um romance delicado, verdadeiro, sobre a condição feminina em face dos preconceitos sociais”. Esta frase da sinopse leva a crer que haverá uma boa discussão sobre tal assunto, mas não é bem isso que acontece, a autora só “joga a situação”, não conduz muito bem o raciocínio, e espera que adolescentes público-alvo da obra desenvolvam alguma ideologia sobre as questões de gênero.

Bruna Fernandes

Serviço:

O livro “E agora, mãe?”, da autora Isabel Vieira, pode ser encontrado em sebos por R$ 9,90, ou em livrarias a partir de 19,99.