Criança não quer saber de ‘bolo no peito’

fenata2

“O menino detrás das nuvens”, do grupo Os Mancomunados, se arrisca em uma linguagem poética para atrair a atenção dos pequeninos

        No final da apresentação, uma mãe pergunta à filha: “Gostou do espetáculo?”. A garota, de aproximadamente sete anos, responde: “Não é feliz, é triste”. A mãe comenta: “Então você não entendeu nada”. Esse é o resultado de uma peça infantil que resolve trabalhar com uma linguagem subjetiva. “O menino detrás das nuvens” é destinado ao público acima de quatro anos. No entanto, por apostar numa linguagem poética, talvez não atinja o “olhar” dos pequenos.

            A trama gira em torno de um menino do interior que deseja saber o que existia do outro lado do morro. O garoto Zezinho vivia dizendo à mãe que estava com um “bolo no peito”. Sinhana não sabia como lidar com todos os desejos do filho, muito menos com o tal “bolo”. A esperança de Zezinho era partir com o tio, mas seu plano não se concretiza dessa forma, pois o tio morre. E cabe ao menino viajar sozinho.

         Com quatro atores, os personagens se dividem entre a atuação e a narração da história. A música cantada serve – nas palavras do próprio Zezinho – “para acabar com o vazio”. De que vazio se fala? Da utilização de um mundo abstrato para contar uma história. “Beiradinha da ilusão”, descoberta de Zezinho, por exemplo, não é lá muito acessível para uma criança de quatro anos.

Foto: Mariele Morski/ Lente Quente

Foto: Mariele Morski/ Lente Quente

            Momentos em que o personagem principal brincava na chuva e gritava, o público parecia se divertir. Não se quer dizer com isso que toda peça infantil precise ser comédia, mas que criança vai ao teatro para rir. Caso contrário, ficam irrequietas. Afinal, criança não quer saber de “bolo no peito”, quer mais é uma história recheada com bolo de verdade.

Keren Bonfim

Serviço:

Peça: O menino detrás das nuvens

Grupo: Os Mancomunados – Araçatuba-SP

Recomendação: Acima de 4 anos

Direção Geral e Artística: Alexandre Melinsky

Autor/Roteiro: Carlos Augusto Nazareth

Cenografia/ Figurinos/ Sonoplastia/ Maquiagem: Alexandre Melinsky

Iluminação: Alexandre Melinsky e Estevan Alves Gimensez

Operador Som/ Operador Luz: Estevan Alves Gimenez

Produção: Fernando Faria Prado

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: